Domingo, 18 de Agosto de 2019

Notícias

Fintechs brasileiras têm boas condições de financiamento

06/06/2019 - Economia

As fintechs brasileiras estão otimistas com as condições de financiamento para seus negócios e com o ambiente regulatório que está sendo construído tanto por parte do Banco Central (BC) quanto pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

“O ecossistema tem funding, tem investidor olhando e os reguladores estão apoiando as fintechs”, disse Daniel Gomes, cofundador da Nexoos, uma fintech que conecta investidores a empresas em busca de crédito.

Ele falou durante o Fintech Conference, que acontece nesta quarta-feira em São Paulo. Na ocasião, Fernando Fujiwara, vice-presidente do Innovation Fund, do conglomerado japonês Softbank, disse que entre 60% e 70% dos US$ 5 bilhões do fundo dedicado à América Latina devem ser direcionados ao Brasil.

Em relação à regulamentação, o destaque para as fintechs é o “open banking”, cujo arcabouço regulatório está em construção pelo BC. Ele traz o conceito de que o cliente é dono de seus próprios dados, o que, espera-se, deve aumentar a competição no mercado.

“Se, antes, o banco tinha como diferencial competitivo a posse desses dados, agora essa informação vai virar commodity”, afirmou Gomes.

Ainda no âmbito do BC, outra tecnologia que tem animado as fintechs são os pagamentos instantâneos. “O regulador está criando um ‘iniciador de pagamentos’, onde o cliente poderá plugar todas as suas contas”, explica Alan Chusid, CEO da SPIN Pay, fintech que está integrando pagadores e recebedores numa plataforma de pagamentos.

De acordo com ele, a forma como o BC está construindo a estrutura é bastante positiva, pois permite a comunicação entre as diversas plataformas. “O que vai mudar o mercado é essa forma de liquidação. Para se ter uma ideia, na China, o Alipay e o Wechat não conversam entre si”, explica Chusid.

A CVM, por sua vez, olha para as fintechs do lado do funding para essas empresas, uma vez que elas precisam captar fundos para disponibilizar crédito a seus clientes.

O número de fintechs no Brasil cresceu de 83 em 2015 para 403 no ano passado, a maioria delas dos setores de pagamentos, gestão financeira e de crédito.

Fonte: Flávia Furlan, do Valor

http://www.fintechspress.com/8-mercado/2256-fintechs-brasileiras-tem-boas-condicoes-de-financiamento

Compartilhe: